sábado, 23 de fevereiro de 2013

Murmúrios de uma alma

                   

                   A como é dolorido o choro de uma alma triste.
                   Triste por querer fazer e não conseguir
                   Triste por  sentir-se excluído.
                   Triste por ter que engolir a própria emoção.
                   Triste por tanta coisa que acontece ao seu redor
                   Triste por não conseguir externar um sentimento
                   Triste por dar o melhor e não ser reconhecido
                   Triste por não ser compreendido
                   Triste por ter tanto amor a dar e ninguém que o queira receber.


                   Ó Deus bendito e eterno, eu vos rogo senhor
                   que estenda sua mão de misericórdia
                   ao meu favor e a todos que compartilham
                   de um sentimento de tristeza.
                   Senhor ilumine nossos corações e mentes,
                   apague tudo que é de ruim e deixe que
                   permaneça somente o que provém de ti ,
                   o que é bom e agradável aos seus olhos
                   Sei que permites que sejamos provados
                   para melhor dar valor a sua graça,
                   mas olhe com olhar de amor e misericórdia,
                   pelo amor de seu nome.
                   Seja para com todos que clamam por ti ó Deus,
                   se clamam é porque confiam em ti senhor.
                   Não somos perfeitos, mas na nossa imperfeição
                   tentamos fazer o melhor de nós.
                   Perdoe-nos pelas nossas falhas e erros e
                   derrame do céu suas bençãos a todos seus filhos Senhor.
                   Graças de dou e suplico suas bençãos
                   em nome de Jesus Cristo, seu filho amado.
                   Amém.

(Waldir Galis)

Imagem Google                       

Meus poemas e contos estão registrados

myfreecopyright.com registered & protected